Sem dúvidas uma data muito importante para o e-commerce Brasileiro, onde vários lojistas apostam todas as suas fixas esperando ter o resultado de boa parte do ano (se não do ano inteiro), nesse dia.

Como de costume esse ano não foi diferente, no dia 25 de novembro de 2016, tivemos o evento mais esperado do ano, onde muitos lojistas reportaram um crescimento impressionante de +1200% relacionado a um dia comum. Um ponto que vale a pena ressaltar é que esse ano as vendas começaram a acontecer, um dia antes do black friday, não próximo ás 21:00 do dia anterior como de costume, mas sim pelo menos 14hs antes do evento, onde muitos lojistas aproveitaram essa oportunidade através de boas ações e comunicação em cima de suas ofertas.

Seja como for, vamos falar agora de alguns números importantes que tivemos, onde nos mostra como o consumidor tem evoluído no comportamento a cada ano e uma pequena diferença desse ano comparado aos anos anteriores:

  • Aumento de 17% de faturamento registrado em relação ao ano inteiro

Mesmo os Brasileiros enfrentando uma situação difícil nesse último ano, isso não impactou nos resultados do e-commerce, no entanto, notamos que a classe B esteve mais presente esse ano, com uma renda familiar média de R$ 5.590,00, o que contribuiu para esse resultado.

  • Aumento de 13% no ticket médio em relação ao último ano (R$ 653,00).

Esse foi outro ponto interessante nessa Black Friday, os produtos que estavam em destaque, notavelmente eram os de ticket mais alto, entre eles: Refrigeradores, Maquinas de Lavar, Notebooks, Celulares, Casa e Decoração, entre outros.

  • 19,8% de participação do Mobile nas compras da Black Friday =)

Constantemente ouvimos falar sobre o tal do MobileFirst, a empresa que não estava preparada nesse Black Friday sem dúvidas saiu muito atrás, além de não contar com o apoio do google com relevância em SEO, perdeu boa parte do seu faturamento nesse ano, cada vez mais é nítido a mudança no comportamento do usuário, muitos preferem fazer suas compras e transações com praticidade, rapidez e sem rodeios ;). Importante notar que em 2015 a participação do mobile era de 8,7%, ou seja, esse número mais do que dobrou em 2016.

  • Prazo de entrega médio de 8 dias

Parece ser um ponto não tão relevante para nós não? Na verdade ele é um grande influenciador das vendas, os usuários estão acostumados a ter um prazo de entrega estendido por conta das vendas do Black Friday, podemos dizer que esse ano o volume de reclamações por não cumprimento no prazo diminuíram, mostrando que os lojistas estão cada vez mais se preparando para essa data tão importante.

Infelizmente grandes empresas ainda não estavam preparadas para receber tamanho volume de visitas em sues sites, alguns sites como: Americanas, Submarino, FastShop, entre outros.

Concluindo esse tema, podemos dizer que esse ano tivemos uma melhora significativa em vários aspectos no e-commerce, grande parte dos lojistas prorrogaram suas ações para aumentar o faturamento e já conectar as vendas do Black Friday com as vendas de Natal. Infelizmente como nem tudo são flores, muitas empresas grandes ainda com problemas de infraestrutura apresentaram quedas em momento importantes de vendas, o que causou frustração em muitos usuários.

Seja como for, já estamos ansiosos para o próximo ano e torcendo para que os lojistas continuem amadurecendo e preparando sua infra para garantir que esse número de crescimento aumente ainda mais ;).